O Novo INSS

O Novo INSS

Compartilhar:

 A tabela e a forma de cálculo do INSS irão mudar, conforme determina o artigo 28 da Emenda Constitucional 103/2019.

Por isso é muito importante, você, profissional do DP saber calcular MANUALMENTE para conferência do valor a descontar. Irei dar 3 exemplos de cálculos, parece difícil, mas depois que entende a logística, calcula em 1 minuto manualmente… 

Vamos primeiramente conhecer a NOVA TABELA e ALÍQUOTAS:

   [Nova tabela a partir de 03/2020]:

Faixa 1 – Até 1 Salário mínimo (Alíquota de 7,5%)

Faixa 2 – Entre 1 Salário mínimo e R$ 2.000 (Alíquota de 9 %)

Faixa 3 – Entre R$ 2.000,01 e R$ 3.000,00 (Alíquota de 12 %)

Faixa 4 – Entre R$ 3.000,01 e o Teto do INSS (Alíquota de 14 %)

✖ Como ainda não saiu os valores do ano de 2020, vamos usar como exemplo, os valores que temos em 2019, ficando assim:

  • Faixa 1 – Até R$ 998,00 (Alíquota de 7,5%)
  • Faixa 2 – Entre R$ 998,01 e R$ 2.000 (Alíquota de 9 %)
  • Faixa 3 – Entre R$ 2.000,01 e R$ 3.000,00 (Alíquota de 12 %)
  • Faixa 4 – Entre R$ 3.000,01 e R$ 5.839,45 (Alíquota de 14 %)

🔶 EXEMPLO DE CÁLCULO 1: SALÁRIO: R$ 6.000,00

  • Primeiro Passo: O valor do salário vai até que faixa?

Nesse exemplo até a Faixa 4 (pois R$ 6.000 está dentro do valor entre R$3.000,01 e R$ 5.839,45- teto)

  • Segundo Passo: Montar as 4 faixas – cada uma com sua alíquota e calcular:

Faixa 1 = R$ 998,00 x 7,5% = R$ 74,85

(Pois a faixa 1 só vai até o salário mínimo)

Faixa 2 = R$ 1.002 X 9% = R$ 90,18

(Valor do teto da faixa 2 – valor usado na faixa 1 ou seja, R$ 2.000 – R$ 998)

Faixa 3 = R$ 1.000 X 12% = R$ 120,00

(Valor do teto da faixa 3 – valor usado na faixa 1 e 2 ou seja, R$ 3.000 – R$ 1.002 – R$ 998)

Faixa 4 = R$ 2.839,45 X 14% = R$ 397,52

(Valor do teto da faixa 4 – valor usado na faixa 1, 2 e 3, ou seja, R$ 5.839,45 – R$ 1.000 – R$ 1.002 – R$ 998)

❌ TOTAL DO INSS A RECOLHER:

R$ 682,55 (Soma dos valores das faixas)

*Até 02/2020 o valor a recolher é de R$ 642,33.

➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖

🔶 EXEMPLO DE CÁLCULO 2: SALÁRIO: R$ 3.500,00

  • Primeiro Passo: O valor do salário vai até que faixa?

Nesse exemplo até a Faixa 4  (pois R$ 3.500,00 está dentro do valor entre R$3.000,01 e R$ 5.839,45- teto)

  • Segundo Passo: Montar as 4 faixas – cada uma com sua alíquota e calcular

Faixa 1 = R$ 998,00 x 7,5% = R$ 74,85

(Pois a faixa 1 só vai até o salário mínimo)

Faixa 2 = R$ 1.002 X 9% = R$ 90,18

(Valor do teto da faixa 2 – valor usado na faixa 1 ou seja, R$ 2.000 – R$ 998)

Faixa 3 = R$ 1.000 X 12% = R$ 120,00

(Valor do teto da faixa 3 – valor usado na faixa 1 e 2 ou seja, R$ 3.000 – R$ 1.002 – R$ 998)

Faixa 4 = R$ 500 X 14% = R$ 70,00

(Valor do salário *pois é inferior ao teto da faixa – valor usado na faixa 1, 2 e 3, ou seja, R$ 3.500 – R$ 1.000 – R$ 1.002 – R$ 998)

❌ TOTAL DO INSS A RECOLHER:

R$ 355,03 (Soma dos valores das faixas)

*Até 02/2020 o valor a recolher é de R$ 385,00.

➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖

🔶 EXEMPLO DE CÁLCULO 3: SALÁRIO: R$ 1.996,00

  • Primeiro Passo: O valor do salário vai até que faixa?

Nesse exemplo até a Faixa 2  (pois R$ 1.996,00 está dentro do valor entre R$ 998,01 e R$ 2.000)

  • Segundo Passo: Montar as 2 faixas – cada uma com sua alíquota e calcular:

Faixa 1 = R$ 998,00 x 7,5% = R$ 74,85

(Pois a faixa 1 só vai até o salário mínimo)

Faixa 2 = R$ 998,00 X 9% = R$ 89,82

(Valor do salário *pois é inferior ao teto da faixa -valor usado na faixa 1 ou seja, R$ 1.996 – R$ 998)

❌ TOTAL DO INSS A RECOLHER:

R$ 164,67 (Soma dos valores das faixas)

*Até 02/2020 o valor a recolher é de R$ 179,64.

➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖

➡     OBSERVAÇÕES:

✖O TETO do INSS a descontar usando essa tabela, será de R$ 682,55.

✖Faça manual com outros valores para ver se aprendeu, e para confirmar o resultado entre no link: https://www.servicos.gov.br/calculadora/aliquota

Jéssica Fávaro

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *